SEMPRE PEDRO…

 São Pedro_Caravaggio Papa Bento XVI_seguidor de Cristo

"Chegando Jesus ao território de Cesaréia de Filipe, perguntou aos discípulos: "Quem dizem os homens ser o Filho do Homem?" Disseram: "Uns afirmam que é João Batista, outros que é Elias, outros, ainda, que é Jeremias ou um dos profetas". Então lhes perguntou: "E vós, quem dizeis que eu sou?" Simão Pedro, respondendo, disse: "Tu és o Cristo, o filho do Deus vivo". Jesus respondeu-lhe: "Bem-aventurado és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi carne ou sangue que te revelaram isso, e sim meu Pai que está nos céus. Também eu te digo que tu és Pedro (A), e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja (B), e as portas do Hades (C) nunca prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos Céus e o que ligares na terra será ligado nos céus, e o que desligares na terra será desligado nos céus" (D). Em seguida, proibiu severamente aos discípulos de falarem a alguém que ele era o Cristo." (Mt 16,13-20)

Comentários:

A) O termo grego "Petros" servia apenas como nome pessoal, antes de Jesus ter assim chamado o chefe dos apóstolos, para simbolizar seu papel na fundação da Igreja. Contudo, seu correspondente aramaico "Kepha" ("rocha") é atestado ao menos uma vez em um documento de Elefantina (416 a.C.).

B) O termo semítico que traduz "ekklesia" significa "assembléia" e encontra-se frequentemente no Antigo Testamento para designar a comunidade do povo eleito, principalmente no deserto (cf. Dt 4, 10 etc.; At 7,38). Círculos judaicos que se consideravam como o Resto de Israel (Is 4,3+) dos últimos tempos, como os essênios de Qumrã, assim chamaram a sua reunião. Retomando o termo, Mateus designa a comunidade messiânica; empregando-o paralelamente ao de "Reino dos Céus" (Mt 4,17+), ele salienta que esta comunidade escatológica começará já na terra por meio de uma sociedade organizada da qual Jesus instituiu ochefe (cf. At 5,11+; 1Cor 1,2+).

C) Quanto a "Hades" (Hb."Sheol"), designa a morada dos mortos, cf. Nm 16,33+. Aqui, as suas "portas" personificadas evocam as potências do Mal que, depois de terem arrastado os homens à morte do pecado, os encadeiam definitivamente na morte eterna. Seguindo o seu Mestre que morreu, "desceu aos Infernos" (1Pd 3,19+) e ressuscitou (At 2,27.31), a Igreja deverá ter por missão arrancar os eleitos ao império da morte temporal e, sobretudo, eterna, para conduzi-los ao Reino dos Céus (cf. Cl 1,3; 1Cor 15,26; Ap 6,8; 20,13).

D) Exatamente como a Cidade da morte, a Cidae de Deus tem portas, que não deixam entrar senão os que são dignos; comparar com Mt 23,13p. Pedro recebe as suas chaves. Caber-lhe-á, pois, abrir ou fechar o acesso ao Reino dos Céus, por meio da Igreja. – "Ligar" e "desligar" são dois termos técnicos da linguagem rabínica que se aplicam primeiro ao domínio disciplinar da excomunhão com que se "condena" (ligar) ou "absolve" (desligar) alguém, e mais tarde às decisões doutrinais ou jurídicas, com o sentido de "proibir" (ligar) ou "permitir"(desligar). Pedro como mordomo (cuja insígnia são as chaves, cf. Is 22,22) da casa de Deus, exercerá o poder disciplinar de admitir ou excluir quem ele bem julgar, e administrará a comunidade através de todas as decisões cabíveis em matéria de doutrina e de moral. As sentenças e decisões serão ratificadas por Deus do alto dos céus. – A exegese católica afirma que essas promessas eternas valem não só para a pessoa de Pedro, mas também para os seus sucessores. Embora essa consequência não seja explicitamente indicada no texto, é legítima, entretanto, em virtude da intenção clara que Jesus tem de prover o futuro de sua Igreja com instituição que a morte de Pedro não podia tornar caduca. Dois outros textos, Lc 22,31s e Jo 21,15s, deixarão claro que o primado de Pedro deve exercer-se particularmente na ordem da fé e que ele o torna chefe não só da Igreja futura, mas já dos demais apóstolos.

Esses comentários, eu os tirei da Bíblia de Jerusalém…

Carlos Lopes      
Shalom do Pai, pelas mãos de Maria Santíssima!!!

Postado em: www.carloslopes-shalom.spaces.live.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s