AFINAL, O QUE É SER EMO?

Por Emmir Nogueira, Co-fundadora da Comunidade Católica shalom)

homer-simpson-emo1

Tenho encontrado cada vez mais pais e familiares preocupados com o que, afinal, vem a ser um Emo. Alguns pelo medo de que os filhos estejam “metidos nesta furada”, outros porque, infelizmente, já vêem filhos, parentes e outros adolescentes e jovens presas desta tribo, deste grupo, deste “seja-lá-o-que-for” que Emo signifique.

Não é difícil conhecer um Emo e menos difícil ainda localizar um dos seus points. Em geral, são adolescentes entre 13 e 20 anos e estão sempre em grupos. São facilmente encontrados em shoppings, beijam-se entre si sem importar-se com o sexo da pessoa beijada, promovem a homossexualidade e, acima de tudo, a tristeza, a depressão, a extravagância, o bizarro. Cultivam a técnica de enlouquecer os pais, agredi-los, não com palavras ou fisicamente, mas, sim, com comportamentos surpreendentemente infantis, depressivos, regressivos e condizentes com o sexo oposto ao seu. Dedicam-se a depredar o bem público e a não empreender nada, não pensar nada, não criar nada, em parecer o mais bobo possível, ainda que em pose de nerd. Freqüentam freneticamente a internet e mudam continuamente seu nick no orkut. Vestem-se de preto, maquiam os olhos desta mesma cor e usam unhas pintadas de negro, naturalmente. Cultuam os tênis All-Star e fecham-se em um mundo ao qual ninguém que não seja Emo tem acesso.

Para quem quer informar-se antes de tentar socorrer e encarar ao vivo estes pobres produtos das “famílias modernas”, basta pesquisar no Google. Há informações a valer. O site “100 regras para ser Emo” traz 100 características deste triste grupo metido em verdadeira esquizofrenia social. Para proteger-se de qualquer incursão sadia, as regras de número 1 e número 100 coincidem: nunca dizer que é Emo.

Percorrendo as 100 características dos Emos, encontramos aberrações como o número 24, que é “o número Emo”, o 33 que orienta chamar a melhor amiga de “marida”, ou o 22, que incentiva o cultivo da auto-depreciação. Bizarrices como o jeito de vestir e pintar os cabelos de cores berrantes, usar piercings e mexer com as pessoas nas ruas ou fazer-se de maníaco-depressivo andam lado a lado com o claro incentivo ao comportamento anti-social, como chorar por qualquer coisa, gritar na rua e depois cair no choro, ignorar todos os que não são Emos, ter sempre razão e ser sempre a vítima.

A internet informa que o termo Emo vem de “emotional”, em inglês, um tipo de música que exalta o emocionalismo em suas letras e ritmo. A partir deste estágio, tornou-se um estilo de vida propagado especialmente pela internet e através de outros Emos. Milhares de adolescentes, em sua grande maioria os que encontram problemas familiares, aderem a este estilo por pura imitação, por “curtição” e acabam por tornar-se fechados aos pais, amigos, família e sociedade, vivendo em um mundo alienado da realidade, fechando-se em tristeza demoníaca.

Alguns questionam se “demoníaco” não seria um termo por demais pesado. A estes convido, se morarem em Fortaleza, a passarem uma madrugada na Vigília de Evangelização, promovida pela Comunidade Shalom, a estarem um pouco mais atentos ao trafegarem pela Praça Portugal aos sábados a partir das 20 horas. Ao verem jovens Emos, góticos, vampiros modernos e de outras “tribos” caídos bêbedos pelas calçadas, vomitando os próprios intestinos, a beijarem na boca todos os membros da roda, sejam homens ou mulheres, ao verem sua alienação, incapacidade de relacionamento e de resposta à realidade, me dirão se o que vêem é ou não demoníaco.

O demônio tem, infelizmente, artimanhas inúmeras e adaptadas a cada tempo. Não é necessário que alguém se debata e urre para ser classificado como alguém atormentado por ele. Para bem discernir, basta a pergunta: Esta pessoa, este adolescente, busca a verdade? Ama a verdade? É capaz de realmente amar? É capaz de dar-se? É capaz de pensar nos outros? Respeita a si mesmo, aos pais, a Deus? Esforça-se para viver as virtudes, para tornar-se mais maduro, para contribuir com a felicidade da humanidade? Pensa nos mais pobres e aflitos? Tem ideais?

Mais frequentemente do que imaginamos, nossos filhos podem estar saindo de casa muito bem vestidos e trocando de roupa e maquiagem em seu trajeto para o point de sua tribo. É muito possível que só muito tarde descubramos que o que considerávamos “modismo”, “coisa de adolescente”, “fase passageira”, é, na realidade, uma armadilha demoníaca e sutil para alienar-lhes as mentes, as emoções, a sexualidade, o comportamento social e arruinar sua vida, dada por Deus para a felicidade e santidade.

Procure você mesmo a resposta para a pergunta que nos deveria inquietar a todos: “Será que meu filho é Emo, vampiro moderno, gótico?” Depois, procure no interior de seu relacionamento familiar e no mais profundo da vivência de sua fé a forma de ajudar seu filho querido a não afundar-se nesta lama.

Fonte: http://tobiascortez.blogspot.com/2011/01/enraizados-e-edificados-em-cristo.html

Postado em: https://carloslopesshalom.wordpress.com/

Anúncios

Um comentário em “AFINAL, O QUE É SER EMO?

  1. VIVA A DITADURA DO RELATIVISMO!…
    CORROMPA A JUVENTUDE E DÊ-LHE LIBERDADE SEXUAL
    Os comunistas, como o PT, orientam-se sob o ‘DECÁLOGO DE LÊNIN’, e o acima é o 1º mandamento de dez com finalidade de extirpar a fé cristã das pessoas, em especial da Igreja católica, desfamiliarizá-las, e por fim as alienar numa massa disforme, provocado também pela luta de classes, incidente no 3º mandamento: “DIVIDA A POPULAÇÃO EM GRUPOS ANTAGÔNICOS… Incluem-se outras mazelas desagregantes, como aborto, pedofilia, gayzismo, glbts, etc.
    Imagine, por ex., o kit gay da “ideologia do gênero”, se não é para perverter as crianças desde tenra idade a se associarem a grupos transviados de gays e lésbicas, aos recém chegados “emos”, com forte parentesco aos “zumbis” e transformarem sua residencia familiar cristã em casa-de-mãe-Joana ou um bordel? Que acharia de seus familiares vinculados a grupos de gays e lésbicas e transviados similiares, e ainda mais dentro de seu lar?
    É o incentivo ao pan sexualismo já nas escolas com distribuição de preservativos, com o Lula justificando na tv: sexo é muito bom…
    O objetivo final é transformar o povo numa massa disforme, desagregado, batendo entre si pela violência geral descontrolada, as autoridades que reprimiriam, apenas fingem que coíbem, pois leis frouxas criadas propositalmente – vejam as solturas com 1/6 da pena – facilitam que voltem rápido ao crime bandidos irrecuperáveis, e incidirão no 8º mandamento: “PROMOVA DISTURBIOS E CONTRIBUA PARA QUE AS AUTORIDADES PÚBLICAS NÃO AS REPRIMAM”, daí um povo totalmente desolado, desorientado, sem a quem recorrer, a partir das proprias autoridades, o que facilitaria a tomada do poder e instauraria uma ditadura do estilo Cuba e Coreia do Norte, 2 países prisões, dentro do estilo totalitarista, materialista e ateu.
    V confia em governantes com um discurso muito atraente, aparentando serem afáveis e amigos dos deserdados, porém materialistas e ateus, de partido amicíssimo de Fidel Castro, Chávez, Ahmadinejad e a outros ditadores sanguinários?
    Dessa mesma forma chegaram ao poder em seus países, como Fidel Castro, prometendo livrar os cubanos do imperialismo americano; pior: lançou-os no totalitarismo comunista, pregando o Marxismo Cultural, discursam uma coisa mas equivale a outra contraria; eles lhe oferecem um doce, mas v ingere um doce veneno!
    Confiram na net: “NOVILINGUA DO PT”: uma farsa; discursam uma coisa mas precisa ser traduzido para o português corrente, em geral significa o contrario ou muito diferente do que nos apresentam.
    Votar no PT-Haddad e noutros PesTistas é dar uma força ao esquema e depois ser submetido ao acima à força!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s